João Maria Pitta (1998 )      o jovem pianista toca no seu piano de cauda   -    the young pianist plays his grand piano.  

 

 

 

!

pi

 

aMuitas e muitas voltas no mundo dos pianos ...!

 

A Piano Arte só tinha para propôr, em circunstancias semelhantes, productos muito inferiores, como por exemplo, um velho Bechstein C de tampo harmónico todo remendado ao preço de 10000  ou um Samick 155 por 9000 e, não se contentando com a nossa opção Kawai... aqui vai disto...já que não é para mim... e foi á Kawai....

...manicar no patrocínio de uma criança de 8 anos...!

e isto vem de um dr. musicólogo, director pedagógico num conservatório..., ou apenas  de um negocianteco de pianos ? !      ..... porque o João Maria era o que menos interessava !,e acabou por ficar sem o apoio da Kawai.

Interessa-lhe esta história ? então veja a adenda no fim da página.


Á Kawai, ou antes ao sr.  Bento da firma Custódio Cardoso Pereira, representante da Kawai, direi,... a pobre Kawai tremeu ! e, também lhe manifesto... o nosso apreço por se ter desvínculado dum compromisso que " felizmente não estava escrito" como referiu!:

A venda dum RX3 por 12000 ou dum Steinway por 50000 ! ... isto só a rir ó sr. Jorge!... mas note que a Kawai não treme assim, agora o sr. ?!...isso talvez sim !

-------------------------------

E a vida continua, já cá temos um Yamaha C5 comprado na DÓRÉMI em Faro ao sr. Francisco Ervilha (91 7213380). Fez um descontão para JOVENS !

--------------------------------

E, outro negociante de pianos ( entre 12 contactados!) que merece a nossa atenção e simpatia é o sr. Pinheiro Alves da www.faminho.com .

Talvez a mais séria casa de venda instrumentos musicais. Não foi a nossa opção por não ser possível a entrega do piano para os anos do Joao Maria.

Seriedade e sem XICO-ESPERTISMO comercial, foi o único comerciante que nos deu O Melhor Preço de pianos desde o primeiro contacto !

 

 

 Adenda sobre a Piano Arte e o dr António Cardo

 

 E,  a 10/01/2007, imagine-se, recebi uma carta registada do advogado do tal dr Cardo com ameaça de procedimento criminal por difamação se não retirar estas referências á Piano Arte e ao dr Cardo !!!!!!!

Imaginem só a prepotência do dr..

Pois claro que vou retirar mas, entretanto podem ler alguns emails interessantes

Caro Sebastiao Bastos

Parece que ando a tentar puxar a braza para a minha
sardinha mas o facto é que estou convicto daquilo que digo
e a minha opinião é também o resultado de muitas opiniões
de especialistas quer daqui quer da Alemanha. Eu falo
imenso com pianistas e com técnicos e todos são unânimes
em dizer que o
Kawai é um piano fraco mecanicamente e soa
bem enquanto é novo depois é que começam os problemas
. Por
essa razão é um piano sem grande cotação no mercado de
usados. Posso-lhe assegurar que na Alemanha acho que nunca
me cruzei com nenhum e eles mais do que ninguém sabem do
assunto.
Claro que a C.C. vai-lhe tentar enfiar um, como é óbvio,
são os pianos deles!

Para mim era preferível apostar no Yamaha C3 que lhe faço
um bom preço e é um piano que mais para a frente vendemos
com facilidade aí no Algarve ganhando até algum dinheiro e
este sim é um piano resistente. Qualquer escola tem
imensos por essa razão.

Tem ainda o Samick que está um piano muito interessante
embora o Sebastião não lhe tivesse dado grande importância
mas o som, desde que foi adquirido pela Bechstein,
melhorou bastante. É igualmente um piano mecanicamente
robusto e tem a vantagem de podermos melhorar o som, numa
fase posterior, através da mudança de martelos. Isso
pode-se fazer.
Entre Samick e Kawai eu optaria pela Samick e com a
garantia que eu lhe retomo o piano quando pretender trocar
por outro.

Eu vou terminar por aqui porque já me começo a sentir mal
de estar sempre a contrariar as suas opções.
Faça como entender melhor.

Um abraço
António Cardo

-------------------------------------------------------------------------

Caro Sebastião Bastos

Quanto à nossa questão temos 2 hipóteses.

Hipótese 1
Por 13.000 Euros, como tínhamos falado, pode comprar o
Bechstein e o Yamaha. Comprometo-me a retomar o Bechstein
pelo mesmo preço quando aparecer um piano que o satisfaça
mais (Bosendorfer, Steinway, Bechstein, ou outro). Informo
que muitas vezes me cruzo com excelentes oportunidades na
Alemanha e estou semanalmente em contacto com várias
casas. Podemos trabalhar a situação da Bechstein e
conseguir uma oportunidade tão ou mais favorável que a que
lhe foi proposta. É uma questão de tempo. Podemos um dia
ir a Hamburgo onde tenho também contactos na fábrica da
Steinway e aí poderá ver a maior colecção de pianos do
mundo. Poderemos inclusivé, enquanto se vê um outro piano
para o João Maria, tentar arranjar comprador para o
Bechstein que adquirir pois o preço é muito bom.
Com esta primeira hipótese há a segurança de um
investimento muito mais contido sem euforia.

Hipótese 2
Por 50.000 Euros compra o Steinway que referiu. Informo
que o preço que lhe fazem é um bom preço para o piano em
questão mas é o preço normal para um piano com 3 ou 4 anos
de alugueres. Recebi hoje a informação que esses pianos de
aluguer na Alemanha andam entre os 40 e os 50.000 Euros.
Como vê não é oportunidade única. É o preço normal para um
piano dessa natureza. Não se esqueça que estamos a falar
de 50.000 Euros. Por muito dinheiro que tenha penso que
não se deveria precipitar assim desta maneira.

Temos SEMPRE a hipótese de nos metermos num avião e ir à
Alemanha ver uma quantidade enorme de pianos e aí poderá
ver que pianos não faltam aos preços a que esse está.

Quanto ao apoio que eles poderão dar ao João Maria, peço
desculpa pela sinceridade, mas é só de garganta. Eles não
passam de uma loja e o meio musical é muito mais do que
isso. Não se esqueça que esta abriu porque uma outra
faliu
. Não sabemos até quando se mantém.
Eu talvez sem grande "propaganda"
penso que poderei ajudar
muito mais na medida em que conheço os meandros do meio.
Para além da minha formação como musicólogo e presidente
do Conselho Pedagógico do Conservatório de Coimbra, tenho
conhecimentos pessoais com as maiores figuras do ensino de
piano em Portugal. Talvez mais do que possa imaginar.
Desculpe a imodéstia.
Por razões profissionais e académicas conheço professores
nas Escolas Superiores, Universidade Nova de Lisboa,
Universidade de Aveiro, Universidade de Évora, etc muitos
dos quais trato por tu. Os orientadores de mestrados em
Piano que há em Portugal são meus amigos.

Daí que penso poder ser mais útil ao João Maria
caso
confie em mim claro. Não se esqueça que o objectivo da
Music Factory é meramente comercial. Eu alio as duas
vertentes. Também tenho interesses comerciais obviamente
mas não os sobreponho à minha carreira de musicólogo.
Preparo um doutoramento em musicologia e isso não está ao
alcance de qualquer um. Desculpe mais uma vez a imodéstia.

Não estou a tentar dar-lhe a volta. O Sebastião fará o que
entender. Penso que não se deveria precipitar pois não
está perante uma "pechincha" e o Sebastião é bastante
inteligente e sabe que ninguém dá nada a ninguém.

De qualquer modo, quer tome um decisão ou outra, gostaria
de continuar a estreitar amizade consigo pois é para mim
um privilégio ter no meu rol de amigos pessoas como o
Sebastião.
Essa é talvez a maior riqueza que uma pessoa
pode ter e eu orgulho-me muito de, com a minha
simplicidade, ter grandes figuras do panorama musical
português como amigos que me abrem muitas portas. Conheço
pessoalmente e mantenho relações de amizade com a maior
parte dos directores artísticos de vários festivais e
concursos de piano em Portugal. Não se esqueça que o meio
é muito pequeno e todos nos conhecemos.

Desculpe ser um chato. Fico por aqui.

Ao dispor

António Cardo

---------------------------------------------

Caro Sebastião

Quanto aos preços são os seguintes:
B210 (novo modelo como sabe) - Este piano é de PVP 62.637
Euros e eu consigo a 45.800 Euros.

B208 - existe uma unidade em Espanha - Este piano é de PVP
48.246 Euros e consigo a 29.000 Euros.

A estes preços acresce o IVA que o Sabastião pode deduzir
e colocar no amortizado do seu hotel.

Estes seriam preços a Pronto Pagamento.
Quanto Kawai RX3AC - 10.250 Euros mais IVA.

Neste momento é o melhor que consigo e estou a vender ao
preço de custo. Posso depois mostrar as facturas para não
restar qualquer dúvida.

Seria uma aposta clara na nossa futura relação comercial e
no João Maria.


>> Um abraço
>> António Cardo

 

                                                             

Mas ..... mesmo assim  decidi pela Kawai e comuniquei ao sr. a minha decisão.

Qual o meu espanto ao receber, no dia seguinte, informação da Cuatódio Cardoso  Pereira de que ficava tudo em águas de bacalhau porque um revendedor deles sabia que havia condições imbatíveis dadas ao pai dum miúdo chamado João Maria que era muito talentoso e andava a procura dum patrocinador.....

... Mas que " filho das quatro letras "... !

                                                                        Back

 no music upright pianos grand pianos flügel music instruments  tavira algarve portugal academia de musica, young pianists, jovens pianistas, gifted pianists

  

 

aMuitas e muitas voltas no mundo dos pianos ...!

 

 

Ao tentar comprar um piano, ... uma má, muito má, mesmo desastrosa experiência com sr. António Cardo da Piano Arte. O comportamento deste dr. foi absolutamente inqualificável. Ao saber da nossa inclinação pela Kawai e, decidido a não perder o patrocínio a que se tinha proposto, contacta a KAWAI portuguesa insurgindo-se contra as condições prometidas ao João Maria, baseadas no fornecimento dum RX3 a preço especial, entre outras coisas.